Livros: como é usar um e-Reader?

Os livros digitais nunca irão substituir as versões originais e o cheiro do papel sempre fará a diferença.

Sim, concordo com este argumento e gosto muito – mesmo! – dos livros, mas existem vantagens em usar um e-Reader e não são poucas. Há um bom tempo comprei um Kindle Paperwhite e agora posso dar minha própria opinião.

O que é um e-Reader?

São leitores de livros digitais, ou seja, em inglês: e-Reader. Sim, tablets, celulares e computadores também servem para isso a diferença está na tecnologia usada pelos e-Readers: uma tinta eletrônica também chamada de papel eletrônico que traz muito mais conforto para a leitura como o livro comum.

Alguns aparelhos tem iluminação própria, outros não. Os valores variam e a qualidade é bastante semelhante – de acordo com a maior parte das reviews disponíveis em blogs e vídeo.

zEk8RJdmQrqja2XwbjgJ_DSC_2368

Escolhi o Kindle Paperwhite da Amazon porque gostei das opiniões que li a respeito e também o preço era o melhor, relacionando o custo x benefício. Ele tem iluminação, mas realmente uso com pouca luz e desde que chegou realmente achei muito parecido com o papel de verdade. Na caixa ele já estava ligado e eu fiquei olhando para ver como ia retirar o adesivo ou papel colado na tela, mas era a tela mesmo 🙂

Vantagens e Desvantagens

🙂 A tecnologia da tinta eletrônica é bem semelhante ao papel.

🙂 A praticidade para transportar por aí é incrível, principalmente quando li livros maiores (Alô leitores de Crônicas!)

🙂 A bateria não acaba! Nunca passei parei uma leitura porque a bateria acabou e em viagens o carregador do celular atende o dispositivo também.

🙂 Nunca fiquei sem livros no Kindle porque o armazenamento é bom e também posso salvar arquivos na nuvem, além de muitos títulos gratuitos (mas nem sempre os que eu desejo).

🙁 No início o tamanho me desagradou e pensei em desistir da compra por causa disso. Cabe na palma da mão e isso na verdade não prejudica a leitura, na verdade facilita para levar em várias bolsas.

🙁 O preço dos e-books, os livros digitais, nem sempre é legal e em alguns casos a diferença para uma versão impressa é de menos de cinco reais.

🙁 A lentidão do dispositivo (isso pode ter sido melhorado nos mais novos) não que me incomode, mas é visível um tempo e resíduos de qualquer transição na tela.

Vale a pena?

Sim! Você não precisa abandonar os livros impressos, na verdade pode aliar a tecnologia e tornar a leitura mais prática. Livros grandes deixam de ser problema e todos os livros tem uma “amostra grátis” o que ajuda a saber se vai valer a pena investir no título ou não. Pesquise para ver o que mais te agrada com relação aos acessórios e o que cada dispositivo faz e pense também no fornecedor de e-books usados (o Kindle usa a Amazon, o Kobo a Livraria Cultura) e pesquise os preços dos livros e categorias do seu interesse.

Outro uso que para mim também é bastante interessante é com relação à faculdade, no início do período diminui bastante a quantidade de cópias de livros e textos baixando as versões na própria Amazon de graça ou .pdf na internet e transferindo para o dispositivo.

E você tem um e-reader ou já testou? O que acha?

2 comentários

  1. Oiii, tudo bem?
    Eu tenho o Kindle Paperwhite também, e pra mim foi uma das melhores aquisições da vida. Gosto de mais da praticidade que o e-reader te proporciona. Concordo que os livros físicos são insubstituíveis, mas ultimamente tenho lido com mais frequência no kindle.
    E uma dica com relação a compra é você colocar os seus livros desejados na lista de desejos, que volta e meia a amazon faz uma super promoções em que os ebooks ficam muito baratos.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    1. Oii
      Essa dica é ótima, as promoções da Amazon realmente são legais e assim fica fácil saber quando comprar um e-book desejado!

      Beijos!

Deixe uma resposta