Quem sou eu?

É uma pergunta muito constante na minha vida, quem sou eu?

Sou muito transitória e constante ao mesmo tempo, sou sempre oito ou oitenta, então existem coisas que mudam sempre: como o meu cabelo, e coisas que eu praticamente não mudo: o esmalte preto, por exemplo.

Consegui reunir vinte e quatro detalhes sobre mim – para combinar com a idade, claro 😉 – então, vem me conhecer melhor, porque eu conheci bem pensando no que escrever aqui!

  1. Meu nome completo é Jéssica Thaís Ferreira Teles, sim, é grande e bem novela mexicana mesmo.
  2. Mudo de ideia facilmente, gosto de repensar e sempre descubro novas perspectivas.
  3. Ainda quero ganhar tulipas.
  4. Não gosto e não vou a velórios e enterros – então me dê tulipas enquanto é tempo!
  5. Um lugar de paz: Canção Nova.
  6. Amo usar havaianas.
  7. Sou insuportável “conversando” com a Atena. (Que bebezinho lindo, minha sobrinha de três anos)
  8. Até os 18 eu gostava de ser “do contra”
  9. Quando pequena dizia gostar de azul para ir contra as outras meninas haha!
  10. Sempre gostei de todas as cores.
  11. Primeira briga com a primeira melhor amiga: aos 11 anos ela me disse que não podíamos ser amigas porque tínhamos diferenças de gênios.
  12. Uma banda para sempre: Forfun, em todas suas fases.
  13. Sou extrema: durmo demais, falo demais, escrevo demais, procrastino demais.
  14. Amava fotografia até outro dia, hoje tenho preguiça.
  15. Gosto do meu cabelo cacheado e também liso, não tenho preferência e fico feliz com qualquer opção que os outros escolherem de mim.
  16. Tenho preguiça e tédio gigantescos.
  17. Amo decorar e organizar e bagunçar tudo no dia a dia.
  18. Assisto séries policiais – AXN – sempre que ligo a TV.
  19. Gosto de ficar perto do Bruno, mesmo quando fazemos coisas diferentes como celular e computador.
  20. Amo a recepção das cachorras quando chego em casa.
  21. Comprar me deixa mais animada.
  22. Gosto mesmo de estudar, mas só as matérias que eu gosto.
  23. Aprendi a gostar de maquiagem.
  24. Hoje, me considero bem sucedida como pessoa.

Como qualquer pessoa eu não gostava daquele momento de entrevistas de emprego: “fale sobre você, uma qualidade, um defeito”, hoje eu lido bem melhor e gosto de ver como sou agora, afinal, minha primeira descrição é mutável.

2 comentários

  1. Oi Jéssica, tudo bem?
    Haa você já foi na Canção nova *-* tenho muita vontade de ir, na verdade minha família está ensaiando ir a um acampamento há anos, mas nunca fomos. Deve ser um lugar maravilhoso e espero conhecer logo, de preferência em um acampamento de carnaval.
    Abraços,
    Amanda almeida

    1. Tudo bem! E você?
      Siiim, esse ano fui pra lá quatro vezes hehe!
      Gosto muuuito de lá, com certeza é o melhor lugar que já visitei 🙂
      Vale muito a pena ir lá, espero que consigam ir logo!

      Beijos!

Deixe uma resposta