Sobre cabelo!

Acredito que esse seja o primeiro post tão pessoal no meu campo de auto-imagem!

Muitas pessoas me perguntam como eu cuido dos meus cachos e eu fico muito feliz de receber elogios sobre meu cabelo, simplesmente porque ele é assim! É um prazer receber elogios por um dom natural que eu ganhei 🙂 !

Já fiz muitas químicas no meu cabelo como relaxamentos e alisamentos mais leves na infância e na adolescência – até uns quinze anos – mas nunca fiz progressiva ou químicas ‘definitivas’ e modernas que surgiram a partir daí, e também nunca fiz permanente. Então não tenho experiência com uma grande transição capilar porque meu cabelo nunca deixou de ser cacheado.

Eu gosto da diversidade que o meu cabelo me permite: cachear e alisar. Por isso é comum que eu use das duas formas, aprendi desde cedo a cuidar do meu próprio cabelo e frequentar pouco o salão – pela questão financeira – daí sempre pesquisei muito e tive muito interesse em saber mais não só sobre o meu tipo de cabelo, mas também sobre outros, e comecei a ir além.

Quando me tornei financeiramente independente, com meu trabalho aos 18 anos, pude investir mais e melhor nos produtos que queria e também frequentar mais o salão para os tratamentos que precisava e queria, então passei a cuidar melhor dos meus cabelos, mas o meu maior e melhor foco sempre foi em casa. E eu tenho aprendido muito com receitas caseiras e enlouquecido um pouco minha mãe por pegar tantas coisas da cozinha dela para misturar aos cremes! Há três meses estou seguindo a rotina do No Poo – se você ainda não conhece, fique tranquila, vou fazer um post explicando exatamente o que é e como eu faço – e o resultado têm sido incrível.

No fim das contas eu ainda considero que meu cabelo cacheado me dá sim mais trabalho do que quando ele está liso (pela chapinha, não sei fazer escova), mas claro, é cheio de vantagens e fresquinho! E ao contrário do que algumas pessoas pensam o fato de usar o cabelo cacheado não está associado à quando dinheiro eu tenho para cuidar dele porque eu posso gastar muito mais em produtos e tratamentos do que gastaria em progressivas e também posso cuidar dele com produtos super baratinhos e até mesmo que já fazem parte do orçamento lá na cozinha como disse, então é uma opção por outros motivos.

Sobre a questão de ditadura da moda, eu não sou a favor da ditadura de cabelos lisos ou da “modinha” de cabelos cacheados, sou a favor do bem estar de cada um e de cada uma. Se a pessoa se sente bem, se encontra, consegue expressar sua personalidade através do cabelo seja ele com ou sem química, ou com ou sem cabelo, para mim o que importa é que a pessoa sinta-se bem e não use isso como forma de agredir o outro ou vitimizar-se. Estou acostumada a ouvir “eu prefiro seu cabelo cacheado” quando estou usando-o liso e isso me deixa feliz porque a pessoa que diz está sendo sincera e de qualquer forma os cachos são a forma natural do meu cabelo, então, por mim tudo bem. Naquele momento por algum motivo: seja por praticidade ou vontade que eu quis usar o cabelo de chapinha e pronto, usei, não há drama nisso. Se um dia, eu me sentir mais a vontade em usar química, como um dia pretendo usar meus fios curtos, talvez eu faça uso.

Assumir um cabelo cacheado ou crespo, ou como dizem “ruim”, como eu já disse tantas e tantas vezes não significa que eu tenho o maior orgulho de mim mesma ou da minha etnia/raça. Qualquer pessoa pode sentir orgulho de si e de suas origens, mesmo que prefira utilizar o cabelo diferente seja pelo que for, pelo motivo que for.

#eupensoassim.

Menos textão e mais ação! rs, nos próximos posts, vou apresentar ou falar do meu jeito para você sobre as técnicas de No e Low Poo, que são formas de cuidar do cabelo começando do shampoo à finalização ok? Então, não deixe de conferir!

E isso é só para cabelos cacheados? Não! Cabelos lisos naturais, cabelos lisos com química, cabelos ondulados, cabelos ressecados, cabelos crespos, em resumo: cabelo! É sobre cabelo!

2 comentários

  1. Cris says: Responder

    Perfeito!!!! Sou sua fã minha sempre bela e doce Jéssica…. Adorei o post e estou contando o tempo desde já para aprender sobre a técnica ” sem shampoo”…. Bjos

    1. Ah Cris ♥
      Obrigada mil vezes!
      Tenho certeza que vai gostar, é super interessante e diferente 🙂

      Beijos.

Deixe uma resposta